politica
INTEGRANTES DO PSDB SÃO DETIDOS AO REALIZAR ATIVIDADES POLITICAS NO PARAGUAI
Data da publicação: 23-09-2016 13:22:39
Brasileiros são detidos pela Policia Nacional do Paraguai na cidade de Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Porã ao realizar atividade politica ilegal no país.

Os brasileiros identificados como, Victor Marcos Lino Silva (18), Milena Cano Guimaraes (27), Jeniffer Borges (27) e Adriana Ferreira (19), Antônia Mara Escobar Roberti (37) e Carmen Carolina Fretes (21), foram detidos na manha de sexta feira (23) por volta das 10.30hs, quando se encontravam a bordo de um veiculo da marca VW Gol, cor prata, placa MCH 9603 da cidade de Ponta Porã na rua Mariscal Lopez da cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, onde realizavam atividade politica referente as eleições municipais, os mesmos segundo informações entregavam panfletos do candidato a prefeito de Ponta Porã Hélio Peluffo Filho do PSDB, de forma ilegal no país, os mesmos segundo os agentes da Policia Nacional do Paraguai se encontravam sem as permissões correspondentes, que os estrangeiros devem ter para ingressar no Paraguai além de participar de atividades politicas em território estrangeiro.

O fato foi comunicado ao Consulado Brasileiro em território paraguaio e o Consul Vitor Hugo Irigaray e o assessor jurídico Gustavo Villalba, tiveram que interceder para a liberação dos mesmos após o fato se comunicado a promotora de justiça, Camila Rojas, de Pedro Juan Caballero, que ordenou que se lavrasse ata do ocorrido a fim de que a situação seja de conhecimento das autoridades brasileiras.

A atividade ilegal que o candidato a prefeito do PSDB estaria realizando em território estrangeiro estaria na mira das autoridades paraguaias, que manifestaram que atuarão conforme a Lei a fim de evitar que os mesmos realizem as supostas compras de votos na cidade e que vários locais já estão identificados pelos agentes do serviço de inteligência da policia que estrão colaborando na fiscalização a fim de evitar a indução da venta da consciência dos eleitores brasileiros que vivem em Pedro Juan Caballero.

A situação devera ser colocada em conhecimento das autoridades da justiça eleitora da cidade de Ponta Porã a fim de que ela possa tomar as devidas providencias no caso, ja que o candidato a prefeito Helio Peluffo ao ter conhecimento do caso teria chamado de forma imediato o intendente (prefeito) Jose Carlos Acevedo, da cidade de Pedro Juan Caballro, solicitando que os detidos sejam liberados de forma imediata o que evidenciaria que o prefeito paraguaio estaria dando cobertura as ações ilegais de politicos brasileiros em territorio paraguaio.


Comentar desde tu Facebook